Resenha: Boa noite

by - 10:37


"Este livro é para todas as meninas, garotas e mulheres. Não deixem que digam que não são capazes, vocês podem ser o que e quem quiserem"


Título: Boa Noite
Autora: Pam Gonçalves
Editora: Galera Record
Páginas: 240

Sinopse: "Alina quer deixar seu passado para trás. Boa aluna, boa filha, boa menina. Não que tudo isso seja ruim, mas também não faz dela a mais popular da escola. Agora, na universidade, ela quer finalmente ser legal, pertencer, começar de novo. O curso de Engenharia da Computação - em uma turma repleta de garotos que não acreditam que mulheres podem entender de números -, a vida em uma república e novos amigos parecem oferecer tudo que Alina quer. Ela só não contava que os desafios estariam muito além da sua vida social. Quando Alina decide deixar de vez o rótulo de nerd esquisitona para trás, tudo se complica. Além de festas, bebida e azaração, uma página de fofocas é criada na internet, e mensagens sobre abusos e drogas começam a pipocar. Alina não tinha como prever que seria tragada para o meio de tudo aquilo nem que teria a chance de fazer alguma diferença. De uma hora para outra, parece que o que ela mais quer é voltar para casa".

Sororidade, empoderamento, ideologia de gênero, abusos sexuais, romances e amizades. Estes são só apenas alguns dos temas abordados pela autora ao longo da trama, e tudo começa com Alina. 
Uma garota inteligente e dedicada que resolve sair de sua rotina em Laguna, uma cidade pequena de Santa Catarina e ir para uma universidade de cidade grande, em Pedra Azul. Ela pretende mudar, deixar de lado a fama de menina nerd e certinha, ao encontrar um anuncio para uma tal republica das loucuras, no dia de sua matrícula, ela pensa estar no caminho certo para este objetivo. 

"Acho que a maioria das pessoas que chega na universidade espera que a vida tome um rumo totalmente diferente... Obviamente eu também"

Chegando lá ela acaba conhecendo seus futuros colegas de republica, Manu a extrovertida e louca, que faz Comunicação Social, Gustavo o menino lindo e educado que além de ser o dono da casa faz medicina. E o casal Talita e Bernardo que fazem Administração e não se desgrudam por nada. 
Alina faz o curso de Engenharia da computação, o que para muitos foi uma grande surpresa, pois a princípio informática é predominada na maioria por homens (sei bem disso, pois é a minha área) e sendo assim o preconceito gerado por seus colegas e professores é imenso. Isso faz com que a personagem queira cada vez mais mostrar que é tão capaz quanto um de seus colegas homens e é nisso que ela se junta com as outras três meninas de sua sala, Julia, Luana e Sabrina. As quais unidas comprovam ao longo do livro que são competentes e podem fazer a diferença.
Pam conseguiu mostrar diferentes personalidades em cada personagem, sendo um mais cativante que o outro e isso é só um dos motivos que fazem o leitor se apegar na leitura. 
O livro flui rápido, me vi terminando ele em poucos dias e não querendo em momento algum que o mesmo acontecesse. 
A história está concluída e a autora já confirmou que não pretende dar continuação para ela, quem sabe apenas um livro contando a vida de algum outro personagem como Manu ou Talita. O que é uma pena porque sentirei falta da história, mesmo sabendo que ela se encontra finalizada. 

"Ao contrário do que somos educadas a pensar, as outras mulheres não são nossas inimigas, mas sim nossas irmãs. Um time. O exército que precisamos proteger. Se não protegermos e cuidarmos umas das outras, não serão os homens que o farão por nós"

O livro foge totalmente do clichê e possui uma intervenção social ligada a situação da mulher a cada dia de sua vida, neste mundo patriarcal, onde muitos homens pensam que possuem a palavra divina e fazem o que bem entendem, não é atoa que o número de mulheres violentadas só aumenta a cada ano, e isto não é apenas em periferias, cidades grandes, becos ou transportes públicos, acontecem em escolas, universidades e até mesmo na própria casa.
Este sem dúvidas foi meu motivo predileto de adorar o livro, amei as frases poderosas que a Pam descreveu e os movimentos citados como o “Vamos Juntas?”.

Eu gostaria de fazer com que todos os homens e empresas do TI, lessem este livro, pois a falta de respeito com as mulheres nesta área é imensa! Existem empresas de TI que só contratam homens! Hello? Vocês precisam saber como uma mulher se sente ao ser subestimada por sua capacidade com um computador ou o que seja. 


 Foi uma tremenda honra poder ler algo de uma ex blogueira/ atual booktuber a qual eu acompanho já faz um tempinho. Chorei na parte dos agradecimentos da autora, saber que o sonho dela está realizado é incrível! 
Pam, Só desejo que você seja cada vez mais feliz e alcance muitas outras conquistas, o livro está muito bom e eu sei que você vai melhorar cada vez mais, (momento fã em que eu finjo que ela um dia vai ler está resenha).

You May Also Like

6 comentários

  1. Adorei!!!!
    Deu muita vontade de ler 😍❤

    ResponderExcluir
  2. Com certeza este livro lerei até os agradecimentos hahaha!!!Não sabia que ele traria assuntos tão feministas (#minasnainformatica), o que me empolgou bastante <3! Me empresta!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Empresto sim, é só me lembrar kkkk <3 #minasnainformatica

      Excluir
  3. Uauuu!! Imagina que esse livro era bom porém não tantooo!! Amei sua resenha e pelo jeito é um daqueles livros que mostra o quanto você é forte e que pode consquistar aquilo que quer.

    Parabéns pela resenha, me deixou ainda mais com vontade de ler *-*

    Beijossss de luz :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza! Pam é inspiradora e nos mostra muitas coisas ao longo da trama! Fico feliz que tenha gostado! Beijos <3

      Excluir